Projetos de mobilidade urbana e meio ambiente avançam na sessão plenária desta quarta-feira (11) Projetos que tratam da isenção da alíquota de IPVA de veículos elétricos, do Circuito Cicloturístico Alto do Iguaçu e do Selo "Logística Reversa" foram aprovados.

11/09/2019 16h36 | por Eduardo Santana
Em razão da viagem do presidente Traiano (PSDB) a Brasília, a sessão plenária desta quarta-feira (11) foi presidida pelo deputado Tercílio Turini (PPS) acompanhado do primeiro secretário Romanelli (PSB) e segundo secretário Gilson de Souza (PSC).

Em razão da viagem do presidente Traiano (PSDB) a Brasília, a sessão plenária desta quarta-feira (11) foi presidida pelo deputado Tercílio Turini (PPS) acompanhado do primeiro secretário Romanelli (PSB) e segundo secretário Gilson de Souza (PSC).Créditos: Dálie Felberg/Alep

Em razão da viagem do presidente Traiano (PSDB) a Brasília, a sessão plenária desta quarta-feira (11) foi presidida pelo deputado Tercílio Turini (PPS) acompanhado do primeiro secretário Romanelli (PSB) e segundo secretário Gilson de Souza (PSC).

Três projetos de lei que tratam de políticas de mobilidade urbana e meio ambiente foram aprovados pelos deputados durante a sessão plenária desta quarta-feira (11), na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). O primeiro deles, assinado pelo Poder Executivo, concede incentivos fiscais para estimular a produção e o uso de carros elétricos em todo o estado. O texto, de nº 468/2019, propõe zerar a alíquota de IPVA de veículos elétricos, que hoje é de 3,5%, até o dia 31 de dezembro de 2022. Outra alteração diz respeito aos veículos que utilizam Gás Natural Veicular (GNV). Para garantir isonomia, o benefício de alíquota de 1%, que já era oferecido ao GNV, também irá vigorar até o final de 2022.

Na justificativa do projeto, o governador Carlos Massa Ratinho Junior afirma que o objetivo das alterações é incentivar o uso de automóveis movidos a energia elétrica, “conferindo maior eficiência e menor consumo em comparação àqueles movidos à combustão”, e destaca a contribuição com o meio ambiente, já que os veículos elétricos não são poluentes. “É uma tendência mundial o uso dos carros elétricos e o estado do Paraná sai na frente ao incentivar a fabricação e o uso desse tipo de automóvel”, acrescenta o líder do Governo na Casa, deputado Hussein Bakri (PSD).

O projeto ainda altera e acrescenta dispositivos na Lei 14.260, de 2003, que estabelece normas sobre o tratamento tributário do IPVA. No novo texto, os carros elétricos passam a integrar uma lista de isentos que inclui veículos de propriedade da União, Estados, Distrito Federal, municípios, além de outras autarquias, como fundações mantidas pelo poder público, instituições de educação e de assistência social, partidos políticos, e entidades sindicais. A matéria foi aprovada em primeiro turno e deve voltar à pauta de votações na próxima semana.

Cicloturismo – A segunda proposta, a 122/2019, que institui o Circuito Cicloturístico Alto do Iguaçu, passou em redação final e agora segue para sanção, ou veto, do Poder Executivo. O texto, assinado em conjunto pelos deputados Goura (PDT), Delegado Recalcatti (PSD) e Galo (PODE), pretende movimentar a economia e dar aos municípios da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A iniciativa também quer dar às prefeituras a possibilidade de indicar as principais atrações e criar uma rota integrada para que os turistas a percorram de bicicleta, com tranquilidade e segurança.

“O turismo ecológico tem muito potencial. A partir deste projeto os municípios poderão se consorciar para estabelecer suas ciclorrotas”, explica Goura. “Vai facilitar a vida de muitos moradores de bairros para se locomover tanto para o trabalho, como nas atividades do dia a dia”, afirma Recalcatti. De acordo com o deputado Galo, a implantação de rotas cicloturísticas pode fazer do Paraná referência em mobilidade. “Trabalho, lazer e saúde. Os roteiros são benéficos para a sociedade em vários aspectos”, conclui.

O projeto dá aos 29 municípios da RMC a prerrogativa da escolha dos pontos que considerem os mais atraentes para o público e sejam contemplados no traçado que definirem em seus territórios. Cabe ao Executivo Estadual estabelecer o traçado geral do Circuito Ciclotuístico do Alto do Iguaçu “a fim de integrar os municípios e suas rotas”, como consta na justificativa da matéria. A divulgação também cabe ao Governo do Estado.

Logística reversa – A terceira matéria se trata do projeto de lei 476/2016, da deputada Maria Victoria (PP), que institui o Selo Estadual "Logística Reversa" para fabricantes, importadores, comerciantes e distribuidores signatários de acordo setorial estadual e/ou termos de compromisso de logística reserva de resíduos sólidos no Estado do Paraná. De acordo com o texto, a emissão do selo deverá ser requerida pelo estabelecimento ao Poder Executivo. Terá validade de um ano e pode ser renovado mediante requerimento do interessado. O selo deverá ser padronizado com os dizeres "Logística Reversa" e a data de vencimento.

A emissão do selo fica condicionada à inspeção e análise por órgão certificador cadastrado junto ao poder público. Segundo a justificativa do projeto, a lei visa prestigiar as empresas que contribuem para preservação do meio ambiente a partir de práticas de sustentabilidade. A logística reversa trata do fluxo físico de produtos, embalagens ou outros materiais, desde o ponto de consumo até ao local de origem. Como exemplo, há o retorno das garrafas ou vasilhames de vidro, o recolhimento ou coleta de lixos e resíduos recicláveis, entre outros.

Pedágio – Passou em segunda votação o projeto de lei 682/2017, que prevê a isenção da tarifa de pedágio para pessoas portadoras do Transtorno do Espectro Autista que estejam realizando tratamento de saúde fora do município de seu domicílio. O projeto do deputado Marcio Pacheco (PDT), altera o artigo 1º da Lei Estadual nº 18.537, de 21 de agosto de 2015, que obriga as empresas concessionárias de pedágio do estado do Paraná a isentar a tarifa dos veículos de pessoas com doenças graves e degenerativas, e inclui o transtorno na legislação. O texto foi aprovado juntamente com uma emenda da Comissão de Obras Públicas, Transportes e Comunicação, apresentada pelo deputado Do Carmo (PSL), que estende o benefício a pessoas com Síndrome de Down e outras deficiências previstas na Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Lei Federal Nº 13.146, de 6 de julho de 2015).

Títulos – Assinado pelo deputado Michele Caputo (PSDB), o projeto de lei 445/2019, que concede título de cidadão honorário do estado do Paraná ao senhor Jair Alfredo Pereira, presidente do Comitê Brasileiro de Clubes, foi aprovado em primeira votação. A proposta 310/2017, do deputado licenciado e secretário da Casa Civil, Guto Silva (PSD), foi igualmente aprovado em primeiro turno. Já o projeto de lei 408/2019, que concede o título de utilidade pública à Associação Municipal dos Avicultores de Chopinzinho, passou em segunda discussão. A matéria, assinada pelo presidente da Casa, deputado Ademar Traiano (PSDB), teve a dispensa de votação da redação final aprovada em plenário e, com isso, segue para sanção, ou veto, do Poder Executivo.

Tribunas – Os acordos de leniência entre Ministério Público Federal (MPF) e as concessionárias de pedágio que atuam nas estradas do estado; os 196 anos da cidade Ponta Grossa que serão comemorados no próximo dia 15 de setembro; o reajuste salarial dos servidores públicos estaduais; o projeto de lei 606/2016, que institui no âmbito da educação pública estadual o programa Escola Sem Partido; as demandas do transporte público de Paranaguá; as obras realizadas pelo Poder Executivo na região Noroeste do estado; e a possibilidade de fechamento da Escola Estadual Manoel Ribas, em Curitiba; foram os temas debatidos em plenário na sessão plenária desta quarta-feira. Subiram às tribunas os deputados Luiz Claudio Romanelli (PSB); Mabel Canto (PSC); Professor Lemos (PT); Ricardo Arruda (PSL); Galo (PODE); Tião Medeiros (PTB); Hussein Bakri (PSD); e Tadeu Veneri (PT).

Ouça o Podcast relacionado

Agenda

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação
Fechar Voltar
  • Abatiá
  • Agudos do Sul
  • Almirante Tamandaré
  • Altamira do Paraná
  • Alto Paraíso
  • Alto Paraná
  • Alto Piquiri
  • Alvorado do Sul
  • Amaporã
  • Anahy
  • Andirá
  • Antonina
  • Antônio Olinto
  • Arapongas
  • Arapoti
  • Arapuã
  • Araruna
  • Ariranha do Ivaí
  • Assis Chateaubriand
  • Astorga
  • Atalaia
  • Bandeirantes
  • Barbosa Ferraz
  • Barra do Jacaré
  • Barracão
  • Bela Vista da Caroba
  • Bela Vista do Paraíso
  • Bituruna
  • Boa Esperança
  • Boa Esperança do Iguaçu
  • Boa Ventura do São Roque
  • Boa Vista da Aparecida
  • Bom Jesus do Sul
  • Bom Sucesso do Sul
  • Bom Sucesso
  • Borrazópolis
  • Braganey
  • Brasilândia do Sul
  • Cafeara
  • Cafelândia
  • Califórnia
  • Cambará
  • Cambé
  • Cambira
  • Campina da Lagoa
  • Campina do Simão
  • Campo Bonito
  • Campo Largo
  • Campo Magro
  • Campo Mourão
  • Cândido de Abreu
  • Candói
  • Cantagalo
  • Capanema
  • Capitão Leônidas Marques
  • Carambeí
  • Carlópolis
  • Cascavel
  • Centenário do Sul
  • Céu Azul
  • Chopinzinho
  • Cianorte
  • Cidade Gaúcha
  • Clevelândia
  • Colorado
  • Congoinhas
  • Conselheiro Mairinck
  • Contenda
  • Corbélia
  • Cornélio Procópio
  • Coronel Domingos Soares
  • Coronel Vivida
  • Corumbataí do Sul
  • Cruz Machado
  • Cruzeiro do Iguaçu
  • Cruzeiro do Oeste
  • Cruzeiro do Sul
  • Cruzmaltina
  • Curiúva
  • Diamante D’Oeste
  • Diamante do Sul
  • Dois Vizinhos
  • Douradina
  • Doutor Ulysses
  • Enéas Marques
  • Engenheiro Beltrão
  • Espigão Alto do Iguaçu
  • Esperança Nova
  • Farol
  • Faxinal
  • Fazenda Rio Grande
  • Fênix
  • Fernandes Pinheiro
  • Flor da Serra do Sul
  • Floraí
  • Florestópolis
  • Flórida
  • Formosa do Oeste
  • Foz do Iguaçu
  • Foz do Jordão
  • Francisco Alves
  • Francisco Beltrão
  • General Carneiro
  • Godoy Moreira
  • Goioerê
  • Goioxim
  • Grandes Rios
  • Guaíra
  • Guairaçá
  • Guamiranga
  • Guapirama
  • Guaporema
  • Guaraci
  • Guaraniaçu
  • Guarapuava
  • Guaraqueçaba
  • Guaratuba
  • Honório Serpa
  • Ibaiti
  • Ibiporã
  • Icaraíma
  • Iguaraçu
  • Imbaú
  • Imbituva
  • Inácio Martins
  • Inajá
  • Indianópolis
  • Iporã
  • Irati
  • Iretama
  • Itaipulândia
  • Itambaracá
  • Itambé
  • Itapejara D’Oeste
  • Itaperuçu
  • Ivaiporã
  • Ivatuba
  • Jaboti
  • Jacarezinho
  • Jaguariaíva
  • Jandaia do Sul
  • Janiópolis
  • Japira
  • Japurá
  • Jardim Alegre
  • Jataizinho
  • Jesuítas
  • Joaquim Távora
  • Jundiaí do Sul
  • Juranda
  • Jussara
  • Kaloré
  • Lapa
  • Laranjal
  • Laranjeiras do Sul
  • Leópolis
  • Lidianópolis
  • Lindoeste
  • Loanda
  • Lobato
  • Londrina
  • Luiziana
  • Lunardelli
  • Lupionópolis
  • Mallet
  • Mamborê
  • Mandaguari
  • Mandirituba
  • Manfrinópolis
  • Mangueirinha
  • Manoel Ribas
  • Maria Helena
  • Marialva
  • Marilândia do Sul
  • Marilena
  • Mariluz
  • Maringá
  • Mariópolis
  • Maripá
  • Marmeleiro
  • Marquinho
  • Matinhos
  • Mauá da Serra
  • Medianeira
  • Mercedes
  • Mirador
  • Miraselva
  • Moreira Sales
  • Morretes
  • Nossa Senhora das Graças
  • Nova Aurora
  • Nova Cantu
  • Nova Esperança
  • Nova Esperança do Sudoeste
  • Nova Laranjeiras
  • Nova Londrina
  • Nova Olímpia
  • Nova Prata do Iguaçu
  • Nova Santa Bárbara
  • Nova Tebas
  • Novo Itacolomi
  • Ortigueira
  • Ortigueira
  • Ouro Verde do Oeste
  • Palmas
  • Palmeira
  • Palmital
  • Paraíso do Norte
  • Paranacity
  • Paranapoema
  • Paranavaí
  • Pato Branco
  • Paula Freitas
  • Paulo Frontin
  • Peabiru
  • Pérola D’Oeste
  • Pérola
  • Pinhal de São Bento
  • Pinhalão
  • Pinhão
  • Pirai do Sul
  • Piraquara
  • Pitanga
  • Ponta Grossa
  • Pontal do Paraná
  • Porecatu
  • Porto Barreiro
  • Porto Vitória
  • Prado Ferreira
  • Pranchita
  • Presidente Castelo Branco
  • Primeiro de Maio
  • Prudentópolis
  • Quarto Centenário
  • Quatiguá
  • Quatro Barras
  • Quedas do Iguaçu
  • Querência do Norte
  • Quinta do Sol
  • Quitandinha
  • Ramilândia
  • Rancho Alegre
  • Realeza
  • Rebouças
  • Renascença
  • Reserva do Iguaçu
  • Ribeirão Claro
  • Ribeirão do Pinhal
  • Rio Azul
  • Rio Bonito do Iguaçu
  • Rio Branco do Ivaí
  • Rio Negro
  • Rolândia
  • Roncador
  • Rondon
  • Sabáudia
  • Salgado Filho
  • Salto do Itararé
  • Salto do Lontra
  • Santa Cecília do Pavão
  • Santa Fé
  • Santa Helena
  • Santa Izabel do Oeste
  • Santa Lúcia
  • Santa Maria do Oeste
  • Santa Mariana
  • Santa Mônica
  • Santa Tereza do Oeste
  • Santa Terezinha de Itaipu
  • Santana do Itararé
  • Santo Antonio do Caiuá
  • Santo Antonio do Paraíso
  • Santo Antônio da Platina
  • Santo Inácio
  • São Carlos do Ivaí
  • São Jerônimo da Serra
  • São João do Caiuá
  • São João do Ivaí
  • São João do Triunfo
  • São João
  • São Jorge D’Oeste
  • São Jorge do Patrocínio
  • São José da Boa Vista
  • São José das Palmeiras
  • São Manoel do Paraná
  • São Mateus do Sul
  • São Pedro do Iguaçu
  • São Pedro do Ivaí
  • São Sebastião da Amoreira
  • São Tomé
  • Sapopema
  • Sarandi
  • Saudade do Iguaçu
  • Sengés
  • Sertaneja
  • Serranópolis do Iguaçu
  • Siqueira Campos
  • Sulina
  • Tamarana
  • Tamboara
  • Tapejara
  • Tapira
  • Teixeira Soares
  • Telêmaco Borba
  • Terra Rica
  • Tibagi
  • Tijucas do Sul
  • Toledo
  • Tomazina
  • Três Barras do Paraná
  • Tunas do Paraná
  • Tuneiras do Oeste
  • Tupãssi
  • Turvo
  • Ubiratã
  • Umuarama
  • União da Vitória
  • Uniflor
  • Uraí
  • Ventania
  • Vera Cruz do Oeste
  • Virmond
  • Wenceslau Braz
  • Xambrê
Assembleia decreta calamidade pública em 324 municípios veja no mapa