Site de A a Z ///
Siga-nos:
 

▶ Divulgação ///

16/05/2019 às 09h21

Campanha contra a pedofilia quer criar rede de proteção

Por Nádia Fontana, com informações da Assessoria Parlamentar

“Você conhece a campanha ‘Todos Contra a Pedofilia’?” O questionamento é do deputado Gilson de Souza (PSC) que nesta semana usou a tribuna do Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP) para falar sobre o tema e fazer um alerta a todas as famílias paranaenses em relação as ocorrências de violência sexual que atingem crianças e adolescentes. “Trata-se de uma mobilização muito importante que tem todo o meu apoio”, acrescentou o parlamentar.

O deputado citou dados que mostram que no Brasil houve um aumento de mais de 80% nas notificações de casos de violência sexual contra crianças e adolescentes, entre 2001 e 2017. Neste período foram registrados 184 mil casos, sendo que a maioria envolve meninas (em torno de 74%). Os dados são do Governo federal e foram divulgados através do Ministério da Saúde. “Vamos denunciar, vamos ser a voz dessas crianças que não têm voz”, frisou o parlamentar. Ele sublinhou ainda que muitos dos casos ocorrem dentro de casa e os autores são pessoas próximas dessas vítimas. Enfatizou também que elas não conseguem manifestar suas emoções, mas sinalizam através de uma série de mudanças de comportamento.

Campanha – Gilson de Souza é autor da Lei estadual nº 17.637/13, que tem o objetivo de fortalecer e divulgar essa campanha – que acontece entre os dias 13 e 18 de maio – de combate à pedofilia no estado. Em 2013 em parceira com o ex-deputado Leonaldo Paranhos, ele apresentou a proposta, discutida e aprovada na Assembleia, posteriormente transformada em lei. “Felizmente, muitos municípios e instituições têm aderido a essa campanha, promovendo palestras e seminários de capacitação como forma de enfrentamento deste mal”, informou o deputado. “E você também pode participar, compartilhando conteúdos com informações sobre como é possível proteger nossas crianças e adolescentes e ainda divulgando os canais para denúncias de situações de violência e exploração sexual envolvendo menores de idade.” O deputado Gilson de Souza frisou ainda a importância da participação de todos, criando uma rede de proteção, e também denunciando ocorrências utilizando os serviços do Disque 100 ou Disque 181.

 

*O pronunciamento do deputado Gilson de Souza (PSC) pode ser conferido na integrada acessando o canal do legislativo no YouTube ou clicando no link: https://www.youtube.com/watch?v=1YdlsVY8RBw