Destaque nas artes plásticas, Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná O artista maringaense é considerado um dos mais importantes representantes da arte contemporânea nacional. Exposição com obras do artista fica aberta à população até o dia 20 de fevereiro no Salão Nobre da Assembleia Legislativa.

10/02/2020 18h08 | por Thiago Alonso
Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.Créditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do ParanáCréditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.Créditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.Créditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.Créditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.Créditos: Kleyton Presidente/Assembleia

Paolo Ridolfi recebe título de Cidadão Benemérito do Paraná.

A Assembleia Legislativa do Paraná concedeu nesta segunda-feira (10) o título de Cidadão Benemérito do Estado a um dos mais importantes representantes da arte contemporânea nacional. O artista maringaense Paolo Ridolfi foi condecorado com a honraria por proposição da deputada Maria Victoria (PP). A homenagem ocorreu no Salão Nobre de Assembleia durante a abertura de uma exposição de obras do artista, que vai permanecer em cartaz até o dia 20 de fevereiro. A mostra é aberta à população.

O artista plástico tem no currículo uma série de exposições e mostras nos principais espaços, galerias e museus do Estado e do Brasil. Suas obras também integram coleções de prestígio, como as do Museu Oscar Niemeyer (MON), Museu de Arte Contemporânea do Paraná (MAC) e a Marcantônio Vilaça. Ridolfi nasceu em Maringá em 1962, município que ainda reside. De certa forma, o artista atribui à cidade e ao Paraná como grandes influências de sua obra. “Sou tímido. Minha autoestima teve de ser construída até eu ter orgulho de ser paranaense. Quero mostrar que o Paraná tem cultura e arte de qualidade”, afirmou.

O artista se diz honrado com a homenagem. “Sou grato à Assembleia Legislativa por poder ocupar este espaço. As artes precisam ocupar lugares como este, que também nos pertence. Este é um momento de celebração e valorização da arte. Fico feliz de ter sido escolhido para ser uma ponte entre o poder público e os artistas”, refletiu.

A proponente da horaria, deputada Maria Victoria, revelou a emoção de prestar a homenagem a um conterrâneo. “Admiro Paolo Ridolfi tanto pelo trabalho quanto por seu caráter. O maringaense é um dos maiores representantes da arte contemporânea brasileira. Esta é uma homenagem justa a uma pessoa que leva alegria por onde passa”, comentou a parlamentar. Para ela, a exposição é uma forma de divulgar o trabalho do artista. “Com esta mostra, a Assembleia garante o acesso democrático à exposição de um artista renomado”, explicou.

O primeiro secretário da Assembleia, deputado Luiz Claudio Romanelli, lembrou que, pela primeira vez na história, o Salão Nobre da Assembleia recebe uma exposição artística. “O espaço se tornou uma galeria de arte. Em nome da Mesa Executiva, quero dizer que é uma honra conceder este título a um paranaense ilustre. Quero agradecer ao Paolo pela militância artística, ainda mais no momento em que vivemos. Sabemos da importância da arte para emancipação das pessoas e para construção do lúdico”, disse Romanelli.

Para a ex-governadora e ex-deputada Cida Borghetti, o trabalho do novo Cidadão Benemérito do Paraná leva o nome de Maringá e do Estado para os espaços artísticos mais importantes do Brasil. “Paolo é uma unanimidade nacional. A técnica, o talento e a leveza de sua arte se destacam dentro de sua obra”, avaliou.

Além dela, participaram da solenidade o segundo secretário da Assembleia, deputado Gilson de Souza (PSC), o líder do Governo na Casa, deputado Hussein Bakri (PSD), o deputado Homero Marchese (PROS), o presidente do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), Adalberto Jorge Xisto Pereira, e o ex-deputado e ouvidor da Assembleia, Elio Rusch.

Agenda

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação