Paraná mais verde, turismo do Norte do estado e retorno de parlamentar marcam sessão desta segunda

27/09/2021 18h33 | por Cláudia Ribeiro
Podcast Deputados aprovam a redação final do projeto que tem como objetivo aliar desenvolvimento ambiental, econômico e social por meio de educação.

Deputados aprovam a redação final do projeto que tem como objetivo aliar desenvolvimento ambiental, econômico e social por meio de educação.Créditos: Dálie Felberg/Alep

Deputados aprovam a redação final do projeto que tem como objetivo aliar desenvolvimento ambiental, econômico e social por meio de educação.

No Dia do Turismo, os primeiros minutos da sessão plenária desta segunda-feira (27) da Assembleia Legislativa do Paraná, foram para a apresentação da presidente da Agência de Desenvolvimento Turístico da Região Norte do Paraná (Adetunorp), Adriana Pontin, que falou sobre o potencial turístico da região e da lei estadual que entrou em vigor neste ano, e  que instituiu o Portal Turístico Ilha do Sol. A legislação, proposta pelo deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) na Assembleia, traz um grande avanço para o fomento do turismo do Norte do estado, além de ser  importante iniciativa para que os municípios possam buscar investimentos estaduais e federais no turismo regional. Adriana Pontin disse que a Agência vai ficar responsável pela administração do Portal.

(Sobe som)

Romanelli enalteceu o trabalho da Agência, que atua em parceria com o Governo do estado.

(Sobe som))

(Sobe som vinheta)))

Entre os projetos analisados pelos deputados na sessão plenária passou em redação final e agora vai à sanção do governo, a proposta que cria o programa Paraná Mais Verde, que será implantado pela Secretaria Estadual do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, em parceria com o Instituto Água e Terra, e quer despertar a consciência ambiental da população e aliar desenvolvimento ambiental, econômico e social por meio da educação.

Na prática, o programa vai integrar os municípios incentivando o plantio de mudas de árvores nativas em todo o estado, com foco na arborização urbana e rural, além da implantação de viveiros municipais e de hortas comunitárias. Ele também tem entre os objetivos, promover a conservação de biodiversidade, ampliar a produção de espécies ameaçadas de extinção, promover a educação ambiental sensibilizando a comunidade, implantar projetos de hortas urbanas visando ocupar espaços ociosos nos bairros, recuperar áreas degradas, entre outros.

 Pela proposta, o Governo também poderá firmar termos de cooperação técnica e parcerias para o desenvolvimento das ações, que devem começar em até seis meses. Os custos para a implantação e execução da proposta já estão previstos no orçamento estadual.

(Sobe som vinheta))

A sessão desta segunda também foi marcada pelo retorno da deputada Maria Victoria (PP), depois da licença-maternidade. Ela diz que reassume a cadeira com o mesmo foco.

(Sonora))

 

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação