Deputado Cobra Repórter solicita estudos para implantação de número de celular da PC para envio de vídeos envolvendo crimes

02/10/2019 13h31 | por Diretoria de Comunicação com assessoria parlamentar
Deputado Cobra Repórter (PSD) presidente da Comissão de Defesa dos Diretos da Criança, Adolescente, Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai).

Deputado Cobra Repórter (PSD) presidente da Comissão de Defesa dos Diretos da Criança, Adolescente, Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai).Créditos: Dálie Felberg/Alep

Deputado Cobra Repórter (PSD) presidente da Comissão de Defesa dos Diretos da Criança, Adolescente, Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai).

Você já recebeu algum vídeo pelas redes sociais de algum crime que te deixou revoltado (a)? Com certeza, a resposta é “sim”! Diariamente, milhares de vídeos assim circulam pelas redes sociais e, se chegassem à polícia, muito provavelmente, poderiam ser elucidados!

Pensando nisso, o deputado estadual Cobra Repórter (PSD) apresentou na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) um requerimento, nesta terça-feira (1º), solicitando providências para que o Poder Executivo promova estudos de tecnologia com o objetivo de disponibilizar um número de telefone celular que permita à população enviar denúncias, via mensagens de texto, áudio e/ou vídeo à Polícia Civil do Estado utilizando-se dos aplicativos WhatsApp e Telegram, dentre outros. O requerimento foi aprovado pelos deputados.

O documento foi encaminhado ao governador Ratinho Junior, ao secretário estadual de Segurança Pública, Coronel Rômulo Marinho, e ao delegado geral da Polícia Civil, Silvio Rockembach. 

“Na condição de presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai), frequentemente, nos deparamos com vídeos - em especial em grupos de WhatsApp - envolvendo espancamento, mutilações, abuso sexual contra crianças, crimes violentos contra idosos... os quais os cidadãos paranaenses não sabem a quem enviar, a quem recorrer, para que tenha uma competente investigação”, explicou o deputado estadual Cobra Repórter.

O deputado lembra ainda que o ideal seria que todos os usuários das redes sociais que postam ou recebem postagens contendo delitos ou crimes, sejam obrigados a se identificarem e citar a origem dos arquivos, remetendo-os também aos competentes órgãos policiais para investigação, sob pena de omissão.

 

Agenda

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação