Tiago Amaral destaca instalação da Delegacia da Mulher em Arapongas

05/06/2019 14h28 | por Diretoria de Comunicação com assessoria parlamentar
Deputado Tiago Amaral (PSB) com o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, em reunião com o secretário de Segurança, Coronel Rômulo Marinho Soares, sobre a instalação da Delegacia da Mulher.

Deputado Tiago Amaral (PSB) com o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, em reunião com o secretário de Segurança, Coronel Rômulo Marinho Soares, sobre a instalação da Delegacia da Mulher.Créditos: Amanda Rodrigues

Deputado Tiago Amaral (PSB) com o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, em reunião com o secretário de Segurança, Coronel Rômulo Marinho Soares, sobre a instalação da Delegacia da Mulher.

Arapongas terá em breve um novo espaço para atender ocorrências referentes à violência contra a mulher. A confirmação aconteceu em uma reunião entre o prefeito da cidade, Sérgio Onofre, com o Secretário de Segurança Pública, Coronel Rômulo Marinho Soares, e que foi acompanhada pelo deputado Tiago Amaral (PSB). O município conta com estrutura e efetivo policial qualificado, restando apenas o decreto para a instalação, que depende do Governo do Paraná. O prefeito Sergio Onofre pretende inaugurar o novo espaço no dia 5 de julho quando o governador Ratinho Junior estará em Arapongas.

“O secretario assumiu recentemente e buscamos colocar para ele as demandas de Arapongas que nós já vínhamos tratando com o Governo na área de segurança”, comentou Tiago Amaral.

A necessidade de criar uma Delegacia da Mulher em Arapongas surgiu do número significativo de casos de violência contra a mulher no município. "Hoje, dos atendimentos realizados na delegacia de Arapongas, um terço são casos de violência contra a mulher. Precisamos de um espaço dedicado somente a esse tipo de ocorrência, para conseguir fazer um atendimento mais especifico", afirmou o prefeito.

Segundo dados da Policia Civil, existem 20 Delegacias da Mulher no Paraná. O objetivo dessas delegacias é o fortalecimento do atendimento policial especializado para mulheres que sofrem violência doméstica e familiar. Segundo informações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) foi o quinto tribunal brasileiro que registrou maior número de novos casos de violência doméstica contra a mulher, com um total de 32.441 processos. O número indica que, por dia, a Justiça paranaense recebe uma média de 89 casos, ou ainda um novo processo a cada 16 minutos.

Cadeia pública – Reivindicação antiga, a construção da cadeia pública em Arapongas também esteve na pauta. Tiago Amaral e o prefeito explicaram que o projeto está pronto e já foi disponibilizado o terreno. A obra precisa de investimento de R$ 8 milhões. Localizada na área central da cidade, a cadeia atual tem capacidade para 36 presos, mas abriga 200. 

Agenda

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação