Audiência Pública discute demissões no Banco do Brasil De acordo com participantes, intenção do Governo Federal é privatizar a instituição financeira

13/04/2021 13h14 | por Thiago Alonso
Audiência pública debateu a situação do Banco do Brasil.

Audiência pública debateu a situação do Banco do Brasil.Créditos: Reprodução

Audiência pública debateu a situação do Banco do Brasil.

Uma audiência pública realizada na Assembleia Legislativa do Paraná nesta terça-feira (13) debateu uma série de desmontes ocorridos nos últimos anos no Banco do Brasil. Na visão dos participantes, as intenções do Governo Federal, ao fechar agências e promover demissões na instituição, é demonstrar uma falsa ineficiência do serviço público para promover a privatização do Banco do Brasil.   Proposta pelo deputado Tadeu Veneri (PT), a audiência remota reuniu políticos, representantes de federações bancárias e de entidades sindicais. 

Apenas no ano passado, 5500 postos de trabalho foram encerrados no Banco do Brasil em todo o País, com uma série de agências bancárias fechadas. A estimativa das federações bancárias é que desde 2016 cerca de 17 mil funcionários perderam o emprego no banco. Para o deputado Tadeu Veneri, o desmonte precisa ser debatido. "Nosso objetivo é fazer uma reflexão e uma troca de experiências sobre esta situação tão complicada. Vamos usar nossas ferramentas para o enfrentamento e para lutar pelos trabalhadores", afirmou o parlamentar. 

O presidente da Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Paraná (FETEC-PR), Deonísio Schmidt, lembrou o importante papel dos bancos públicos na retomada do crescimento econômico. Segundo ele, 54% de todo o agronegócio do País é financiado pelo Banco do Brasil. "Em janeiro, a diretoria do banco anunciou a reestruturação da instituição. Para nós, isto representa um desmonte para a privatização. A capacidade de atuação do Banco do Brasil está sendo reduzida para a privatização. Este é um prejuízo incalculável", afirmou. 

O ex-governador do Paraná e ex-senador Roberto Requião reafirmou a dependência da agricultura do País do Banco do Brasil. "O Banco do Brasil sustenta nosso agronegócio. Sem ele, a agricultura não produziria o que produz. Os fundos de investimento estão se jogando em cima das empresas públicas para lucrar. O desmonte se dá em três pontos: precarização do Estado, do parlamento e do trabalho. O problema com o Banco do Brasil é com o capital financeiro. O Banco do Brasil tem de estar a serviço do Brasil e não de fundos financeiros ou de investidores do mercado", reforçou. 

A visão é semelhante a do secretário-geral da Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários do Estado do Paraná (FEEB-PR), João Haroldo Ruiz Martins. "O Banco do Brasil investe em desenvolvimento, não em enriquecimento de acionistas. Temos visto as ameaças ao banco, com o governo interessado em retirar sua importância histórica. O banco pertence à população, então tem de atender aos interesses desse povo", completou.   

Segundo Antônio Luís Firmino, presidente do Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região, o Banco do Brasil tem seu papel de instrumento público de desenvolvimento. "Não estamos falando de uma simples entidade, mas sim da primeira entidade financeira do País. O Banco do Brasil é o banco da agricultura. Se o campo não planta, a cidade não janta. Querem vender um discurso de que se é público é ineficiente e corruptível. Sabemos que é ao contrário".

Apoio - Para o coordenador da Comissão de Empresa de Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), João Fukunaga, o fechamento de agências visa a precarização da instituição. "Vemos agências sendo fechadas em periferias e pequenas cidades. Isto acaba com a possibilidade de apoio às micro e pequenas empresas e à agricultura familiar. Bancos privados têm taxas de juros mais altas, além de não terem o interesse de atuar nessas áreas", disse. 

Elizandro Paulo Krajczyk, coordenador-geral da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Paraná (FETRAF-PR), concordou. Segundo ele, a maioria do financiamento a agricultores familiares é feito pelo Banco do Brasil. "A agricultura familiar tem papel importante na produção de alimentos. Representa a economia dos pequenos municípios. Para isso, nós dependemos de crédito subsidiado e o Banco do Brasil é o grande responsável por isso", informou. 

O presidente do Sindicato dos Bancários de Campo Mourão, Luís Marcelo Legnana, também reforçou a importância do Banco do Brasil no apoio a políticas públicas das camadas menos favorecidas. "Os bancos privados estão nas grandes cidades e nas mais ricas. Mas cerca de mil cidades no País só têm bancos públicos. Isso se reflete em crédito nas pequenas localidades, como a habitação popular, apoio às micro e pequenas empresas e o crédito rural. Um país que se pretende grande, precisa dos bancos públicos", comentou. 

Participações - Os temas debatidos na audiência contaram com a participação e apoio dos deputados Requião Filho (MDB), Arilson Chiorato (PT), Professor Lemos (PT), Luciana Rafagnin (PT) e Goura (PDT).

Ouça o Podcast relacionado

Agenda

TRAMITAÇÃO DE PROJETOS

LEIS ESTADUAIS

PROJETOS PARA JOVENS

  • Visita Guiada
  • Geração Atitude
  • labels.alep_enem
  • Parlamento Universitário
  • Escola do Legislativo
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná © 2019 | Desenvolvido pela Diretoria de Comunicação
abrir página Fechar Voltar
  • Abatiá
  • Agudos do Sul
  • Almirante Tamandaré
  • Altamira do Paraná
  • Alto Paraíso
  • Alto Paraná
  • Alto Piquiri
  • Alvorado do Sul
  • Amaporã
  • Anahy
  • Andirá
  • Antonina
  • Antônio Olinto
  • Arapongas
  • Arapoti
  • Arapuã
  • Araruna
  • Ariranha do Ivaí
  • Assis Chateaubriand
  • Astorga
  • Atalaia
  • Bandeirantes
  • Barbosa Ferraz
  • Barra do Jacaré
  • Barracão
  • Bela Vista da Caroba
  • Bela Vista do Paraíso
  • Bituruna
  • Boa Esperança
  • Boa Esperança do Iguaçu
  • Boa Ventura do São Roque
  • Boa Vista da Aparecida
  • Bom Jesus do Sul
  • Bom Sucesso do Sul
  • Bom Sucesso
  • Borrazópolis
  • Braganey
  • Brasilândia do Sul
  • Cafeara
  • Cafelândia
  • Califórnia
  • Cambará
  • Cambé
  • Cambira
  • Campina da Lagoa
  • Campina do Simão
  • Campo Bonito
  • Campo Largo
  • Campo Magro
  • Campo Mourão
  • Cândido de Abreu
  • Candói
  • Cantagalo
  • Capanema
  • Capitão Leônidas Marques
  • Carambeí
  • Carlópolis
  • Cascavel
  • Centenário do Sul
  • Cerro Azul
  • Céu Azul
  • Chopinzinho
  • Cianorte
  • Cidade Gaúcha
  • Clevelândia
  • Colorado
  • Congoinhas
  • Conselheiro Mairinck
  • Contenda
  • Corbélia
  • Cornélio Procópio
  • Coronel Domingos Soares
  • Coronel Vivida
  • Corumbataí do Sul
  • Cruz Machado
  • Cruzeiro do Iguaçu
  • Cruzeiro do Oeste
  • Cruzeiro do Sul
  • Cruzmaltina
  • Curiúva
  • Diamante D’Oeste
  • Diamante do Norte
  • Diamante do Sul
  • Dois Vizinhos
  • Douradina
  • Doutor Camargo
  • Doutor Ulysses
  • Enéas Marques
  • Engenheiro Beltrão
  • Espigão Alto do Iguaçu
  • Esperança Nova
  • Farol
  • Faxinal
  • Fazenda Rio Grande
  • Fênix
  • Fernandes Pinheiro
  • Flor da Serra do Sul
  • Floraí
  • Florestópolis
  • Flórida
  • Formosa do Oeste
  • Foz do Iguaçu
  • Foz do Jordão
  • Francisco Alves
  • Francisco Beltrão
  • General Carneiro
  • Godoy Moreira
  • Goioerê
  • Goioxim
  • Grandes Rios
  • Guaíra
  • Guairaçá
  • Guamiranga
  • Guapirama
  • Guaporema
  • Guaraci
  • Guaraniaçu
  • Guarapuava
  • Guaraqueçaba
  • Guaratuba
  • Honório Serpa
  • Ibaiti
  • Ibiporã
  • Icaraíma
  • Iguaraçu
  • Imbaú
  • Imbituva
  • Inácio Martins
  • Inajá
  • Indianópolis
  • Ipiranga
  • Iporã
  • Irati
  • Iretama
  • Itaguajé
  • Itaipulândia
  • Itambaracá
  • Itambé
  • Itapejara D’Oeste
  • Itaperuçu
  • Ivaiporã
  • Ivatuba
  • Jaboti
  • Jacarezinho
  • Jaguariaíva
  • Jandaia do Sul
  • Janiópolis
  • Japira
  • Japurá
  • Jardim Alegre
  • Jataizinho
  • Jesuítas
  • Joaquim Távora
  • Jundiaí do Sul
  • Juranda
  • Jussara
  • Kaloré
  • Lapa
  • Laranjal
  • Laranjeiras do Sul
  • Leópolis
  • Lidianópolis
  • Lindoeste
  • Loanda
  • Lobato
  • Londrina
  • Luiziana
  • Lunardelli
  • Lupionópolis
  • Mallet
  • Mamborê
  • Mandaguari
  • Mandirituba
  • Manfrinópolis
  • Mangueirinha
  • Manoel Ribas
  • Maria Helena
  • Marialva
  • Marilândia do Sul
  • Marilena
  • Mariluz
  • Maringá
  • Mariópolis
  • Maripá
  • Marmeleiro
  • Marquinho
  • Matinhos
  • Mauá da Serra
  • Medianeira
  • Mercedes
  • Mirador
  • Miraselva
  • Moreira Sales
  • Morretes
  • Nossa Senhora das Graças
  • Nova Aurora
  • Nova Cantu
  • Nova Esperança
  • Nova Esperança do Sudoeste
  • Nova Laranjeiras
  • Nova Londrina
  • Nova Olímpia
  • Nova Prata do Iguaçu
  • Nova Santa Bárbara
  • Nova Tebas
  • Novo Itacolomi
  • Ortigueira
  • Ortigueira
  • Ouro Verde do Oeste
  • Pinhais
  • Palmas
  • Palmeira
  • Palmital
  • Paraíso do Norte
  • Paranacity
  • Paranapoema
  • Paranavaí
  • Pato Branco
  • Paula Freitas
  • Paulo Frontin
  • Peabiru
  • Pérola D’Oeste
  • Pérola
  • Pinhal de São Bento
  • Pinhalão
  • Pinhão
  • Pirai do Sul
  • Piraquara
  • Pitanga
  • Ponta Grossa
  • Pontal do Paraná
  • Porecatu
  • Porto Barreiro
  • Porto Vitória
  • Prado Ferreira
  • Pranchita
  • Presidente Castelo Branco
  • Primeiro de Maio
  • Prudentópolis
  • Quarto Centenário
  • Quatiguá
  • Quatro Barras
  • Quedas do Iguaçu
  • Querência do Norte
  • Quinta do Sol
  • Quitandinha
  • Ramilândia
  • Rancho Alegre
  • Realeza
  • Rebouças
  • Renascença
  • Reserva do Iguaçu
  • Ribeirão Claro
  • Ribeirão do Pinhal
  • Rio Azul
  • Rio Bonito do Iguaçu
  • Rio Branco do Ivaí
  • Rio Negro
  • Rolândia
  • Roncador
  • Rondon
  • Sabáudia
  • Salgado Filho
  • Salto do Itararé
  • Salto do Lontra
  • Santa Cecília do Pavão
  • Santa Cruz de Monte Castelo
  • Santa Fé
  • Santa Helena
  • Santa Izabel do Oeste
  • Santa Lúcia
  • Santa Maria do Oeste
  • Santa Mariana
  • Santa Mônica
  • Santa Tereza do Oeste
  • Santa Terezinha de Itaipu
  • Santana do Itararé
  • Santo Antonio do Caiuá
  • Santo Antonio do Paraíso
  • Santo Antônio da Platina
  • Santo Inácio
  • São Carlos do Ivaí
  • São Jerônimo da Serra
  • São João do Caiuá
  • São João do Ivaí
  • São João do Triunfo
  • São João
  • São Jorge D’Oeste
  • São Jorge do Patrocínio
  • São José da Boa Vista
  • São José das Palmeiras
  • São Manoel do Paraná
  • São Mateus do Sul
  • São Pedro do Iguaçu
  • São Pedro do Ivaí
  • São Sebastião da Amoreira
  • São Tomé
  • Sapopema
  • Sarandi
  • Saudade do Iguaçu
  • Sengés
  • Sertaneja
  • Serranópolis do Iguaçu
  • Siqueira Campos
  • Sulina
  • Tamarana
  • Tamboara
  • Tapejara
  • Tapira
  • Teixeira Soares
  • Telêmaco Borba
  • Terra Rica
  • Tibagi
  • Tijucas do Sul
  • Toledo
  • Tomazina
  • Três Barras do Paraná
  • Tunas do Paraná
  • Tuneiras do Oeste
  • Tupãssi
  • Turvo
  • Ubiratã
  • Umuarama
  • União da Vitória
  • Uniflor
  • Uraí
  • Ventania
  • Vera Cruz do Oeste
  • Virmond
  • Wenceslau Braz
  • Xambrê
Assembleia decreta calamidade pública em 331 municípios veja no mapa